sexta-feira, 10 de julho de 2009

Auschwitz - Um campo de concentração de histórias

Photos: Russell Yarwood
Mesmo 60 anos depois dos episódios que marcaram a história da Velha Polônia, Auschwitz ainda é chamada de a cidade da morte!

Crematório
Mais de 12 milhões de pessoas perderam suas vidas sob uma doutrina racista da velha conhecida Polônia, onde cerca de 7,5 milhões somente nos assassinatos públicos e nos campos especialmente preparados para matar em escala mais que industrial. Assim surgiu a Cidade de Auschwitz - cidade dos campos de concentração!

Galpões da Concentração
Um campo que concentrava os seres humanos que não pertenciam a raça ariana, judeus, ciganos, negros, homossexuais, comunistas, testemunhas de Jeová, nem mesmo os doentes mentais foram poupados da morte cruel que assolou a velha Europa.

Corredor da Câmara de Gás
Seres humanos eram enforcados em praça pública, sem direito a defesa e muito menos um julgamento. A ordem na velha Polônia era EXTERMINAR!

Mais não era só na Polônia que esse extermínio aos judeus, ciganos, homossexuais, emfim, seres humanos eram exterminados. Em boa parte da Europa, esse fato acontecia. Embora foi na Polônia a grande concentração de mortes, pelo simples fato de aglutinar a maior parte dos judeus da Europa.

Uma parte da Europa que só quem conhece pode sentir como deve ter sido viver naquela época e como é estar lá no mundo de hoje. Ao entrar no Campo de Concentração de Auschwitz é imaginar, sentir, ouvir e vivenciar aquilo que jamais poderemos repetir na história da humanidade.

É impossível passar por aqui e não sentir absolutamente nada. É como se você estivesse vivendo tudo aquilo. dá um frio na barriga, um medo em cada corredor que você passa. A cada lugar que você olha, uma cena de terror lhe vem a mente.
Centenas de retratos de pessoas mortas durante o holocausto

Auschwitz é um lugar que se você tem medo de saber como foi o passado sombrio de uma velha europa, de uma guerra absurda que aconteceu no planeta em que você vive. Por favor, você ainda não está preparado para conhecer AUSCHWITZ!
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário