Mochilar

By | 12:29:00 Leave a Comment
O Céu fica para trás
Atrás das minhas costas
... Amanhã
Não sei o que vou comer
Onde vou dormr
Para quem sorrirei

Nos braços da Liberdade, sossegarei
Nas curvas da solidão me despirei
A arte da natureza será meu entretenimento
Um resgate a minha essência humana

Se ficar com frio
As paisagens me aquecerão
Se ficar com calor
O sufoco me esfriará

Parto para encontrar-me
Uma fuga das janelas que me perseguem
Busco o real, aquilo que pode ser tocado

São ondas de emoções
Ventos de lembranças
E sensações de novas descorbertas

Feliz 2012!!!
Tiago Kutako Eugênio
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial