segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

A Boêmia da Lapa e o Chamoso clima de Santa Teresa

Para quem visita a Cidade do Rio de Janeiro, ficar sem conhecer a região da Lapa e Santa Teresa é sem dúvida um PECADO GRAVÍSSIMO.

A região da Lapa reúne vários locais interessantíssimos para se conhecer, um deles são os Arcos da Lapa.

Os Arcos da Lapa é aquele famoso arqueduto construído em meados do Século XVIII, que foi projetado para levar água ao Centro da Cidade. Os arcos possuem um estilo que lembra muito os arquedutos da Roma Antiga, onde seus 42 arcos têm cerca de 64 metros de altura.


Sem contar que pertinho dalí você tem a famosa Escadaria Selarón, que fica entre as ruas Joaquim Silva, na Lapa e a rua Pinto Martins, em Santa Teresa. É uma instalação em permanente expansão. A escadaria que leva até o Convento de Santa Teresa, a partir da rua Joaquim Silva, tornou-se uma obra de arte quando o artista chileno Selaróm decidiu cobriu os 215 degraus de mosaicos coloridos nas cores azul, verde e amarelo.

download (4)

Ainda lí perto, pode ser visitada a Catedral Metropolitana, que tem entrada gratuita. A Catedral em formato de cone, foi inaugurada em 1976. Entre suas esculturas, murais e outras obras de arte, os quatro vitrais que atinge4m até o teto e são deslumbrantes. E ainda tem um Museu de Arte Sacra no subsolo que tem uma série de itens históricos, incluindo até o trono de D. Pedro II.

Ainda alí perto, você pode subir para Santa Teresa. Você pode optar por subir de ônibus ou mesmo de táxi. Mas cuidado, pois os táxis não gostam muito de fazer corridas para Santa Teresa. Sugestão é entra e depois diz pra onde quer ir. rsrs Infelizmente, devido o fatidico acidente do Bonde de Santa Teresa, eles não circulam mais na região, o que só dá pra ir de ônibus, táxi ou se for bem animado, caminhando mesmo.parque das ruínas

Em Santa Teresa, você pode visitar o Parque das Ruínas que também tem entrada gratuita e o parque funciona de terça à domingo, das 10 às 20 horas. O parque possui as ruínas da mansão pertencente a Laurinda Santos Lobo. Sua casa foi um ponto de encontro de artistas e intelectuais pormuitos anos até sua morte, em 1946. Atualmente, o parque recebe frequentemente shows ao ar livre, além de de um piso superior no qual podemos encontrar uma bela vista da Cidade do Rio de Janeiro.

largo das neves

Agora, se você quer curtir um dia ensolarado com sua família na região, não deixe de visitar o Largo das Neves. O Largo das Neves está localizado no fim da Rua Progresso e possui um clima de cidade pequena e, é o ponto de encontro de crianças e famílias do bairro. À noite, os bares ao redor da praça ganham vida com os animados frequentadores.

images (5)O Largo dos Guimarães também é uma boa pedida no bairro. A praça que homenageia Joaquim Fonseca Guimarães, um morador cuja casa se transformou no Hotel Santa Teresa, agora é o Centro da Boêmia do Bairro. Tem um carnaval de rua bem movimentado e alegre, além de possuir um bom número de restaurantes, artesanatos e brechós. E o que é melhor, um bem perto do outro.

images (2)Em Santa Teresa também é possível aproveitar seu antigo e charmoso Cine Santa Teresa. Um rico cinema, o único do bairro. Com apenas 60 poltronas, a sala exibe o melhor da programação cinematográfica brasileira. E uma dica para quem deseja curtir uma sessão por lá, compre o ingresso pela internet no site www.cinesanta.com.br, é fácil e bem mais cômodo. Sem falar que você não corre o risco de chegar na porta e não conseguir ingresso.

download (5)

E para quem curte um bom samba, não pode deixar de conhecer o famoso Beco do Rato. É um clássico ponto de samba da Lapa. Trata-se de um minúsculo bar, mas que tem sempre bons grupos de samba tocando para uma multidão alegre. Os assentos ao ar livre e o ambiente informal são uma combinação imbatível. A noite de sexta-feira é particularmente a melhorpara se curtir um sambinha ao vivo.

E você, curtiu? Tem mais dicas dessa região? Compartilha com a gente!
Reações:

2 comentários:

Postar um comentário