sábado, 28 de maio de 2016

Como economizar com alimentação durante uma viagem de avião

Você estava navegando na internet e viu no Twitter do Blog da Mochila aquela promoção de passagem barata e resolveu colocar a mochila nas costas, pegar um avião e sair por aí se aventurando, mas no caminho para o aeroporto você lembra que, na correria pra pegar o voo, você não comeu nada e tá morrendo de fome.

Pois é VIAJANTE, se alimentar bem é um dos princípios básico da vida e para você não poderia ser diferente, afinal, você precisará estar bem alimentado para encarar horas de voo e aproveitar bastante a sua viagem não é mesmo? E quando o assunto é andar de avião e ter que comer em aeroportos pode significar gastar um dinheiro extra que não estava nos seus planos. Ai você se pergunta: economizo ou fico com fome?

Bom, é claro que não dá pra encarar horas de voo com o seu estômago rosnando dentro de você né? Mas como conseguir matar a sua fome gastando pouco e não ter que esperar chegar ao seu destino final para saciar a sua fome?

Os preços nas praças de alimentação muita das vezes possuem preços nada agradáveis, por exemplo, um pedaço de pizza em uma lanchonete do aeroporto custou entorno de R$ 9,90 e o copo de CocaCola R$ 7,50 no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Preço SURREALLLL

IMG_0550

A nossa experiência de andar de avião tem nos revelado algumas coisas bem interessantes e que podem ajudar você a economizar na hora de se alimentar dentro de aeroportos durante a sua viagem. Lembre-se que são apenas dicas e que não necessariamente você precisa seguir e que pode variar de VIAJANTE para VIAJANTE.

Então… A primeira coisa que você precisa saber é que existem diversas formas para economizar ao ter que se alimentar na sua viagem e o Blog da Mochila separou algumas dicas especiais pra você, se liga nelas:

1. Leve lanche de casa

Bom, essa é aquela dica clássica da mamãe! Quem nunca teve que levar lanchinho pra escola e não morrer de fome? Pois é, essa dica é muito válida para você que quer economizar e não é vergonha nenhuma você tirar da sua bagagem de mão aquele sanduba delicioso que você mesmo preparou e que certamente custou bem baratinho e de quebra ainda ganhou nas unidades.

sanduiche

Mas é claro que se você saiu correndo de casa e esqueceu de preparar o seu próprio lanchinho, essa dica aqui não poderá matar a sua fome!

2. Circulando

Se você já está no aeroporto, não comeu nada e sua barriguinha já está roncando, a melhor opção é circular pela Praça de Alimentação em busca de opções que agrade seu estômago, principalmente ao seu bolso. Há quem diga que para pagar um “preço justo” é preciso pesquisar, mas o que seria um “preço justo” pra você e mais, será que dentro dos aeroportos há tantas opções assim apra conseguir se alimentar pagando mais barato?

Geralmente nos aeroportos do Brasil a concorrência de empresas de fastfood e também de restaurantes é bem variada, o que permite você poder escolher bem e com um preço que você ache “justo” pagar. Mas nem sempre você vai encontrar essa variedade.

Por exemplo, se você estiver no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, suas chances de poder escolher são bem pequenas e para matar a sua fome, você terá que morrer em uma graninha nem um pouco agradável. Um cafezinho que do lado de fora custaria de R$ 1,50 à R$ 3 no máximo, no aeroporto custou R$ 6,50 a xícara pequena e o chocolate que no supermercado custaria entorno de R$ 5 reais, no aeroporto custou R$ 12.café-chocolate-talento

Mas a DICA é CIRCULAR!!! Procure pelas opções de alimentação que mais agrada você, principalmente ao seu bolsinho. Por isso lembre-se: nem sempre variedade é garantia de que você pagará barato pelo lanche que vai comer.

Em sua maioria os preços são bem salgados, independente do tamanho da praça de alimentação do aeroporto e muita das vezes seu lanche pode chegar a custar quase o dobro do valor que você pagaria do lado de fora.  No Aeroporto Santos Dumont por exemplo, um croissant custava R$ 15, com queijo e presunto e um suco de laranja de 300ml não ficava por menos de R$ 8.

12401773_1194249583937594_8649983649994462140_o

Os preços assustam bastante, principalmente para quem não estava preparado. Mas segundo a Infraero, em aeroportos administrados por eles, funcionam pelomenos uma lanchonete que eles chamam de “popular”, onde o cardápio contra com pelo menos 15 produtos com preços tabelados e bem mais em conta. Essa pode ser uma boa dica pra você economizar e matar sua fome. Procure por lanchonetes que possua o Selo Lanche Popular e economize.

lanche-popular

Como se trata de uma iniciativa da Infraero, aeroportos administrados por empresas privadas (Cumbica, Galeão e Confins) não oferecem esse serviço. O que é uma pena!

3. Deixe para comer dentro do avião

Comer dentro do avião poder ser uma alternativa, mas de qualquer forma você poderá desenbolsar um valor considerável. Algumas companhias aéreas que operam no Brasil em voos domésticos oferecem opções de lanches de bordo para quem está com aquela fominha, mas nem todas gratuitas, nem tampouco com preços acessíveis.

Por exemplo, a Gol Linhas Aéreas oferece duas opções de serviço de bordo: o gratuito e o pago! No serviço gratuito o viajante vai encontrar a sua disposição apenas água e um pacotinho de biscoito Tribo. Já no cardápio pago você poderá encontrar uma variedade de sanduiches, salgadinhos, sucos, refrigerantes e café.

lanche-gol

Os lanchinhos na Gol Linhas Aéreas não nada barato!!!

Agora, se você for viajar de LATAM (antinga TAM) ou de Azul Linhas Aéreas, saiba que essas empresas oferecem um serviço de bordo bem legal e gratuito. Uma dica bem gostosa é que nos voos da Azul você pode pedir quantos lanchinhos você quiser, mas saiba ser educado e não vá pedir todo o estoque do avião né!

lanche-azul

Claro que nenhum desses lanches irá matar sua fome, mas ajudará você a controlar seu estômago até que você possa chegar no seu destino final e comer em algum lugar por um preço mais acessível. Bom, essas foram as dicas que separamos pra você VIAJANTE. Esperamos que gostem!!!

E ai, gostou? Deixe suas impressões, compartilhe essa aventura com seus amigos e aproveite para conhecer um pouco mais do #BlogdaMochila nos nossos canais pela Rede!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário